Interior

Esse ensaio é uma reflexão sobre um interior que possui dois sentidos. O primeiro sobre o espaço, a localização geográfica. Mais precisamente, no centro do estado de São Paulo. O outro sentido tem haver com aquilo que não se vê. Aquilo que se perdeu com o tempo, com os prédios, com a urbanização da alma.